Futebol Feminino

Com a realização da Copa do Mundo Feminina esse ano, uma plataforma parceira nos lançou um desafio: realizar uma curadoria com o tema ‘futebol’. Mesmo sendo um tema distante do universo habitual da Piscina ficamos instigadas e resolvemos encarar a proposta. Como não conhecíamos nenhuma artista produzindo a partir desse universo, decidimos abrir uma convocatória e nos surpreendemos com o trabalho desses três coletivos (um brasileiro e dois argentinos) que atuam para a visibilização do futebol feminino. Quem acompanhou a Copa do Mundo Feminina sabe o potencial que a modalidade tem para despertar paixões e conquistar espaços, caso receba o apoio e suporte necessários. Iniciativas como a das artistas desses coletivos são um dos caminhos para que isso se torne uma realidade. 

Natalia Montero

(Buenos Aires, Argentina)

A fotógrafa de 37 anos realiza imagens em colaboração com os seguintes coletivos: @colectivopuntog, @carpfemenino, @amulenfotografia y @laspibasjugamos.

Para acompanhar o trabalho dela: @natipeperina

@natipeperina

@natipeperina

Meiofio intervenções urbanas

(São Paulo, Brasil)

Coletivo formado por mulheres que trabalha com técnicas têxteis em escalas urbana. Nessa ação, realizada nas redes da quadra de futebol de campo do SESC Osasco, elas bordaram palavras escolhidas pelas meninas que fazem parte do time de futebol que treina na unidade, as ‘Meninas no drible’.

Para saber mais sobre o trabalho do coletivo: @meiofio_

@meiofio_

@meiofio_

Historicas Racing Club

(Buenos Aires, Argentina)

O Históricas Racing Club é um coletivo que trabalha para difundir o futebol feminino do time da seleção nacional de mesmo nome. O principal objetivo do trabalho é visibilizar as características diferenciais das jogadoras e ressaltar o sentido de pertencimento com o clube.

Mais sobre o trabalho delas: @historicas_rc

@historicas_rc

@historicas_rc